13 de setembro de 2014


Preciso desesperadamente esquecer-te,
como preciso neste instante de seu abraço.

________Caio Fernando Abreu  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por borboletar aqui!