27 de novembro de 2011

Mas o teu amor me cura.
De uma loucura qualquer.
É encostar no seu peito...
E se isso for algum defeito,
por mim tudo bem.
Tudo bem...♪ ♫

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por borboletar aqui!