13 de outubro de 2011

“E até hoje, eu acredito que, na maior parte do
tempo, o amor é uma questão de escolhas.
É uma questão de tirar os venenos e as
adagas da frente e criar o seu próprio final feliz.“

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por borboletar aqui!