13 de outubro de 2011


(...)Porque na hora em que você chegar
Como eu, com os olhos rasos d'água
Mas sem mágoa
Primeiro eu vou fingir espanto
Depois sorrir banhada em pranto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por borboletar aqui!